Alambiques – Banho-Maria

Como o nome indica os Alambiques Banho Maria utilizam o método banho-maria para a destilação de óleos essenciais, de aguardentes de plantas e frutas da mais alta qualidade. A Polpa de fruta fermentada tem tendência a queimar quando sujeita a temperaturas altas da superfície do alambique o que resulta em destilados com sabor amargo e queimado. Com os alambiques Banho Maria a transferência de calor dá-se por  meio da água em ebulição que se encontra na câmara externa. Deste modo a temperatura na câmara interior é uniforme e nunca excede os 100º Célsius, o que torna este método ideal para a destilação de polpa fermentada. Os mesmos princípios que se aplicam à destilação de aguardentes também se aplicam à destilação de óleos essenciais. Estes sistemas operam de modo mais lento mas os benefícios são uma qualidade melhorada e a rectificação do destilado.

Comments are closed.

Privacy Preference Center

Necessary

Advertising

Analytics

Other