Alambique – Charentais

Reminiscência de locais exóticos e distantes, o alambique Charentais é considerado o mais belo e gracioso de todos os alambiques, o preferido dos melhores produtores mundiais de Conhaque. Este modelo possui potes, um com forma de cebola e os restantes abobadados, que no seu conjunto lhe conferem uma certa peculiaridade. O vinho é colocado no pote do alambique (aquecedor) e no reservatório em forma de cebola (pré-aquecedor). Quando o vinho colocado no aquecedor entra em ebulição, os vapores alcoólicos aí reunidos evadem-se para o recipiente de condensação através do pescoço de cisne que atravessa o pré-aquecedor. O vinho que se encontra no reservatório em forma de cebola é pré-aquecido pelo tubo conhecido como pescoço de cisne que o atravessa e conduz os vapores de álcool do pote para o recipiente de condensação. Finalizada a destilação do vinho que se encontra no pote, transfere-se o vinho que se encontra no pré-aquecedor para o mesmo, através de um tubo existente entre ambos para desta forma proceder a uma segunda destilação. Eis a razão pela qual este alambique é conhecido como sistema de destilação contínuo. O destilado resultante das duas destilações, “brouillis”, é posteriormente colocado no pote com o intuito de realizar uma destilação final e obter o chamado “ bonne chauffe”, o qual é posteriormente armazenado em barris de carvalho para adquirir cor, sabor, reduzir o nível alcoólico do espírito e suavizá-lo.

Comments are closed.

Privacy Preference Center

Necessary

Advertising

Analytics

Other